Como montar uma fixa – How to build a fixie

Nessa página você poderá fazer perguntas, interagir e dar opiniões e também receberá ajuda para montar a sua própria fixa.

In this page you can ask questions, interact, and leave your opinions and also get help to build your own fixie.

Aqui vc vai encontrar tudo que precisa para montar uma fixa.

Here you will  find everything you need to build a fixie.

quadro de pista - Track Frame

gancheira trazeira de pisteira - Track frame Drop end

Gancheira semi-horizontal de Caloi 10

O primeiro e mais importante passo para montar sua Fixa é encontrar um bom quadro.

De preferência de seu tamanho. Ele pode ser de pista como o da foto, de Caloi Dez, Peugeot ou qualquer outro que você goste. Desde que tenha as gancheiras trazeiras horizontais ou semi-horizontais (ver detalhe das fotos).

The first and more important step is to find a good frame.

Preferably your size’s and a track frame like this one on the photo or a speed frame or any one you prefer on the condition that it has a horizontal or semi-horizontal drop end. (see the detail photos) .


Para quem quer montar uma fixa e não tem idéia de como começar, que peças usar e onde encontrar. Aqui vai uma ajudinha.

For those who want to build a fixie and have no idea how to start, what parts to use and where to find. Here some help.

1. Encontre um quadro de seu tamanho ou um pouco menor com gancheira horizontal ou semi-horizontal. No Brasil ainda é difícil encontrar quadros de fixa a venda, então pode ser de Caloi 10, Peugeot ou de Caloi Cruiser, etc.

1. Find a  fixed gear frame at your size or a little smaller or a freme with  horizontal or semi horizontal drop outs.

2. Duas rodas de preferência aro 700, sendo cubo trazeiro com pinhão fixo (tb dificil de achar) ou adaptados (Feitos com cubos para freio a disco) com pinhão fixo. (Ver Fotos abaixo).

2. Two wheels preferably 700 mm with a hub for track bikes with fixed cogs.

3. Pedivela com uma coroa para corrente de 1 ⁄ 8. ex. Sugino, Miche e outros. A relação fica a seu critério mas recomendo inicialmente uma relação mais leve até os músculos de seus joelhos e articulações estarem mais fortes.

3. A crank with a 1/8 chain ring. The gear rate is your choice but keep in mind that the lighter it is, better for you knees and muscles.

4. Pedais, tem que ser com firma-pé ou clip.

4. The pedals need to have cliptoes or spd’s.

5. Freio, só o dianterio. Atenção: O uso do freio é muito importante para “novatos”, ele te dará mais segurança e irá ajudar a não sobrecarregar seus joelhos e articulações.

5. Breaks, only the front one. It’s very important for beginners as it gives you more confidence and helps to protect your joints.   

O resto fica a seu critério. Mesa, guidão, selim, espessura do pneu, etc.

The other parts are up to you.

Existem hoje as fixas clássicas que são montadas com base nas Pisteiras (bikes de velódromo) antigas e as de freestyle que são um mix de quadros de pisteiras e peças de BMX e Mtb.

Now a days there are classic fixas builded like original track bikes and urban fixies builded for tricks with BMX and MTB parts.

O legal disso é que não há preconceito e vc poderá montar sua fixa como quiser de acordo com o que vc tem no bolso ou seu gosto. Poderá deixa-la com a sua cara.

The fun of it is, no prejucice and you can build your fixa the way you want or by the size of your pocket. And also git it your own style.  

Bom pra começar é isso. Se alguém dos afixionados do Blog perceber que eu esquecí algo, adicionamos depois.

Well that is for the start. If any one has any comment about it, feel free to do so.  

Mais infos: Canna CorpJuice,Pscycle.Lockring

cubo de fixa caseiro (de freio a disco aproveitando a furação para fixar o ponhão).
Cubos de pista da marca Fórmula

Caloi Cruiser Fixa

Cruiser Fixa. Ótima para o bike polo, freestyle e andar na cidade.

Mai algumas infos:

As sete regras das fixas By MarchaFixa

As Sete Regras das Fixas, mas Bike Fixa tem Regras???

A fixa urbana não tem regras como as primas – bikes de pista – as quais nas competições estão submetidas às regras da UCI ou da NJS (corridas keirin no Japão).
As ditas “regras” para as fixas são mais de natureza preventiva, para evitar acidentes, ou seja, decorrentes do bom senso, e não estipuladas pelo Comitê Central de Supervisão das Bikes Fixas (que não existe).
Vejamos às pretensas “regras” que se recomenda que sejam observadas para não estragar o prazer de pedalar em uma fixa.
1) Manter a Corrente Esticada. Caso a corrente não estiver bem esticada ela pode cair /desengrenar e se você estiver sem freios, e em velocidade, é quase que garantido um bom capote ou uma colisão.
2) Ter a Corrente Alinhada. A linha da corrente, entre o pinhão e a coroa, deve estar a mais reta possível, caso contrario, a corrente pode cair/desengrenar, com as mesmas conseqüências apontadas na “regra” anterior. Além disso, a falta de alinhamento gera mais fricção na pedalada e isso causa o desgaste prematuro da transmissão (corrente, coroa e pinhão).
3) Usar Firma-Pé ou Pedal Clipless. É importante usá-los para não correr o risco de perder o controle do pedivela/pedais, pois se você anda sem freios, você não tem como brecar a bike na descida. Além da possibilidade dos pedais sem controle provocarem uma serie de hematomas nas canelas ou ocorrer um acidente.
4) Instalar pelo Menos o Freio Dianteiro.Lembre-se que você está pedalando nas ruas e não no velódromo. No velódromo não tem motoqueiro andando na pista, carro, velhinhas atravessando a pista, buracos, sinais etc. Você, o fixeiro purista, que está lendo este post vai pensar: freio, isso estraga o visual “clean e zen” da minha bike de pista NJS (bike keirin japonesa). É verdade, freio estraga o visual imaculadamente “clean” de uma bike NJS. É bom lembrar que inexiste colisão / acidente “clean” ou “zen” com bike fixa sem freios, na melhor das hipóteses você vai sair com uns hematomas ou escoriações e na pior você vai encontrar o criador do “zen-budismo”. Além dos riscos que a falta de freio ocasiona, você vai gastar mais pneu com os skids. Caso você, apesar das recomendações em contrario, tenha decidido dispensar o freio, então assegure-se que os componentes da transmissão tenham uma qualidade acima da média e que estejam bem instalados, pois uma eventual quebra pode ter conseqüências imprevisíveis.   Os puristas, no seu afã de ter uma bike esteticamente impecável, esquecem que não estamos sozinhos no mundo, e compartilhamos o espaço publico (ruas) com pedestres e veículos automotores. Os outros não têm porque sofrer as conseqüências de nossas escolhas / valores questionáveis de que a pureza estética se sobrepõe ao bem-estar da comunidade.
5) Movimento Central (MC) Alto. Isso é desejável, caso seja possível. A maioria das conversões é feita a partir de um quadro de bike de estrada/speed, então o movimento central não é tão alto quanto o MC de um quadro de pista. A exceção são as MTBs convertidas e que usam roda 700c, que tem um movimento central mais alto que um quadro de pista. Um MC mais alto diminui a possibilidade dos pedais baterem no solo quando se faz uma curva (na qual você entra e sai pedalando) ou passa sobre um obstáculo.
6) Pedivela Curto (165 mm). Isso é desejável também, como comentamos no item anterior. Nas fixas urbanas um pedivela curto é mais necessário que na bike de pista. Isso se deve ao fato da existência de inúmeros obstáculos nas nossas ruas (lombadas, guias, desníveis etc.). O motivo é o mesmo explanado na “regra” anterior, ou seja, diminuir as chances do pedal bater no solo e o fixeiro tomar um capote. A grande maioria das conversões no Brasil utiliza o pedivela da Sugino para BMX que tem 170 mm, dado o seu baixo custo. Ressalte-se que não tenho ouvido falar que isso tenha causado problemas.
7) A Bike Fixa É uma Escolha Pessoal. Seja independente, não se deixe influenciar por modismos ou pretensos “gurus” que adoram pontificar que uma fixa deve ser “assim” ou “assado”. Ou que a fixa deve ter tais e tais componentes, se não é um lixo. Tirando as “regras” anteriores cujo objetivo é evitar acidentes dentro do possível, o resto é escolha pessoal. O mais importante é que você curta pedalar a sua fixa. A opinião dos outros é irrelevante, desde que você não desconsidere os aspectos que possam por em risco a sua integridade física ou a dos outros quando você pedala na sua fixa.
Boas Pedaladas a todos.


8 respostas para Como montar uma fixa – How to build a fixie

  1. Rudinei Augusto Vencato disse:

    Que legal esta onda das fixas, estou preparando em um quadro da caloi 10 antiga, em breve estarei postando as fotos, pois quero fazer uma bem diferente com cores e acessorios bem transados…abraços.

  2. Leacir disse:

    Legal seu artigo….tenho uma C10 com pedivela sugino, coroa grande 53dentes, MC rolamentado..não sei as medidas. Tem como eu só mandar montar uma roda traseira com pinhão fixo e colocar fazendo os ajustes de alinhamento utilizando o mesmo conjunto de MC?

    • Mr. W disse:

      Tem sim, o importante é não fazer o “guarda-chuva” e deixar o cubo o mais centralizado possivel com o aro.
      Tente mudar a coroa para uma com menos dentes. É sempre melhor começar com uma relação mais leve para não danificar os joelhos e tornozelos.
      Na hora de montar a roda é melhor levar a bike inteira para a bicicletaria para que o alinhamento coroa/pinhão seja feito com mais facillidade.

  3. theo disse:

    cara parabens pelo trampo , ja entendi tudo, vi uma bike dessa em miami e minha duvida é porque ela tem dois pinhoes geralmente, um maior e um menor sendo que a corrente e feita na medida de um só pinhao, achei bonito os dois, posso colocar de um lado uma catraca normal e do outro lado um pinhao ? por favor me responda ok abraco e obrigado

    • Mr. W disse:

      Oi Theo, então, dependendo do cubo dá pra colocar dois pinhões se ele for fixed/fixed, e se não for muita diferença entre eles, ou se for, no caso de uma relação para o velódromo, vc terá que levar consigo uma corrente extra ou tirar um pedaço da que está na bike. Outro caso é o cubo fixed/free em que um lado é para pinhão e ou outro de rosca simples para catraca, esse é mais comum.

  4. Anônimo disse:

    pod kre to montando uma frestylle aro 16

  5. Breno Moreira disse:

    cara uma pergunta, como vc montou o seu movimento central dessa cruiser? tenho uma em fazer de montagem, e vou usa-la para o dia a dia em percursos longos. vlw!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s